Manhã de encerramento contou com a realização de mais de 40 atividades

Mais de 40 atividades marcaram a manhã do último dia da Semana de Inovação, com muito entusiasmo dos participantes - que continua o mesmo desde o primeiro dia. Um dos pontos de destaque foi a divulgação dos vencedores do “Prêmio Orçamento Público, Garantia de Direitos e Combate às Desigualdades”. Nesta edição, foram classificados 34 artigos em temáticas diversas, como: ações afirmativas; segurança alimentar; redução de ICMS em absorventes; orçamento e equidade de gênero; atendimento equânime a povos indígenas.

No intervalo do almoço aconteceu o show da artista Flor Furacão, no palco Celebra.  Às 14h começaram as últimas atividades deste que é o maior evento de inovação em Administração Pública da América Latina.

Veja os destaques da programação da manhã: 

Marco legal de startups para cidades inteligentes
A palestra sobre o marco legal de startups para cidades inteligentes, realizada no palco Experiência, contou com um amplo debate sobre possibilidades  tecnológicas e inovadoras para as cidades brasileiras. A ideia era visualizar como o setor público pode contribuir nessa esfera. Rafael Fassio, procurador do Estado de São Paulo, explicou como contratar soluções em Inteligência Artificial no serviço público e citou a existência de startups  que oferecem serviços inovadores e inteligentes.” O Uso de drones para entregas civis mostra o potencial imenso que temos em cidades inteligentes”, citou Fassio.

1T7A2628 

 

Comportamentos e Inovação
Na mesa redonda desta manhã (09), Bruno Rizardi, Danilo Silva, Lana Montezano e Marizaura Camões discutiram a aplicação de avaliação comportamental na formulação de ideias e de inovação em políticas públicas. “Falamos sobre a importância do comportamento e como avaliar esse comportamento por meio de uma ferramenta desenvolvida pelo Gnova Lab, a ECIP, que está disponível para todo ecossistema de inovação e governo, além de apresentar a escala da plataforma, sua importância e colocar à disposição para que as pessoas já saiam deste debate utilizando”, destacou Danilo Silva.

“Espero que o público leve deste encontro a ideia de parar para pensar como que eu me desenvolvo para ser um servidor público inovador”, concluiu Lana Montezano.

Transformação Global  pela IA: abordagens para desafios Emergentes
Os especialistas Dimas Timmers, Marcelo Barcelos, Priscila Bellini, Rafael Sampaio e Veronyka Gimenes participaram de uma mesa redonda onde discutiram as implicações sociais, econômicas e políticas para lidar com a inteligência artificial.

1T7A2691

 

Compras de inovação aceleram a evolução do serviço público
No último dia da Semana de Inovação da Enap não poderia faltar o debate sobre a implementação de inovações tecnológicas adequadas para solucionar gargalos do serviço público. A palestra Fortalecimento do Ecossistema de GovTechs e das Compras Públicas abordou o tema com especialistas nacionais e internacionais. A economista espanhola Sandra Sinde defendeu que a administração pública precisa  elaborar estratégias de contratação para compras de inovação e também avançar rápido no desenvolvimento de soluções que beneficiem toda a sociedade.

Amazônia de dentro pra fora
“Uma andorinha só não faz verão, mas uma andorinha só pode acordar o bando inteiro”. A frase é da advogada, mestre em direito Internacional e designer de conexões Mayra Casttro. Nascida e criada na Amazônia, ela compartilhou o que observou, aprendeu e o que faz questão de propagar sobre a maior floresta do mundo.

“A gente não precisa de ajuda. Precisamos de acesso e parceria, porque lá a gente tem recurso pra dar e vender”, frisou. Ao longo da palestra, Mayra reafirmou a importância de se reconhecer a Amazônia como um dos maiores ativos do Brasil. De acordo com a fundadora do InvestAmazônia, o país tem muito a aprender com a sincronicidade entre produção acadêmica e saber ancestral, mindset de solução e valorização do que é local. Ela também ressaltou a relevância das escolhas ecologicamente corretas, socialmente justas, da cultura baseada em confiança e do olhar atento às lições que a natureza traz. 

1T7A2734

Desafios da Agenda 2030 e ODS no antropoceno
”Se o mundo não for melhor para todos em 2030, ele não será bom para  absolutamente ninguém”. Esse foi o resumo de palestra realizada nesta manhã, sobre a agenda 2030, que é uma ferramenta importante para elaboração de políticas públicas. Participaram Sávio Reader, Patrícia Menezes e Haroldo Machado.

Mesa de debate projetos de gestão inclusiva: do discurso à prática
A necessidade de ações diárias para mudanças de comportamento inclusivo foi uma das sugestões feita na mesa de debate Projetos de Gestão inclusiva: do discurso à prática, durante a Semana de Inovação. Participaram do evento Marina Marinho (LaboraGov), Magali Dantas (Enap), Luana Faria (LaboraGov) e Antonio José do Nascimento Ferreiri (MDCH)

Fotos: Paulo Negreiros

Conteúdo relacionado

4º Jornada de Inovação Cidades que Transformam avança em mais uma etapa

As cinco equipes municipais integrantes desta edição participarão de oficinas e apresentarão uma ideia de solução a ser desenhada e testada na próxima fase da jornada 

Publicado em:
29/01/2024
Ano de 2023 marca a história da Enap

Em um ano de reconstrução, a Escola teve recorde de inscrições nos cursos à distância, capacitações inéditas para pessoas negras, auditório novo e muito mais! Confira!  

Publicado em:
15/01/2024
Conheça os vencedores do VIII Prêmio do Serviço Florestal Brasileiro

Concurso de monografias com apoio da Enap fomenta a produção de conhecimento na área florestal

Publicado em:
25/12/2023
GNova finaliza módulo I do CoLabs com apresentação das equipes

As 20 equipes que estão desenvolvendo seus laboratórios no projeto realizaram a primeira apresentação de suas conquistas

Publicado em:
14/12/2023