Formação abordou o empoderamento feminino negro e como desenvolver capacidades para que elas alcancem mais representatividade nas organizações

Potencializar a liderança de mulheres negras em cargos do governo federal foi um dos objetivos do curso “Mulheres negras líderes”, que aconteceu na Escola Nacional de Administração Pública (Enap), entre os dias 29 e 31 de agosto. A capacitação foi ministrada pela consultora francesa Alexandra Loras, especialista em transformação pessoal e organizacional com abordagem de liderança inclusiva, baseada em diversidade étnico-racial e de gênero. 

O curso, promovido pela Enap em parceria com a Fundação Lemann, faz parte do programa de Formação de Iniciativas Antirracistas (Fiar) promovido em parceria com o Ministério da Igualdade Racial.  “Alavancar pessoas negras em cargos de liderança dentro do governo é importante para desenvolver políticas públicas específicas que combatam as desigualdades”, disse a diretora de Educação Executiva da Enap, Iara Alves. 

Para Alexandra Loras, a importância em se promover lideranças negras no governo é porque, segundo ela, “dentro da dor histórica somos as primeiras da nossa geração a nos formar e sair diplomadas de universidades e hoje precisamos transitar nos espaços de poder para tomada de decisão, já que somos 56% da população e repensarmos a sociedade de forma mais justa e equilibrada”. Alves ainda completou,  “quando falamos em liderança de mulheres negras, falamos de empoderamento coletivo. Mas isso só é possível quando existe empoderamento individual”.

O curso

“Mulheres negras líderes” foi destinado mulheres negras cis, trans e não bináries identificades com o sexo feminino, ocupantes de cargo a partir de FCE 1.10 e CCE 1.10  (coordenação, coordenação-geral e acima) e seus equivalentes no governo federal.

Seus principais objetivos foram apresentar e ampliar o conhecimento sobre contexto histórico da inserção  feminina nos espaços de poder e nas organizações, abordar o empoderamento feminino e desenvolver capacidades para que mulheres alcancem mais representatividade nas organizações. Outra proposta é problematizar os desafios sociais e culturais das mulheres negras líderes nas organizações, apresentar e demonstrar a aplicação das principais ferramentas para impulsionar a participação e a sustentabilidade em cargos de liderança.

O curso foi ministrado por Alexandra Loras, consultora, mentora, palestrante, sensitivity reader da revista “Harper's Bazaar” e investidora anjo do programa “Shark Tank Brasil”.

É jornalista, escritora e consultora, mestra em Gestão de Mídia pela prestigiada escola de ciências políticas da França, a Sciences Po, palestrante em eventos internacionais de destaque como os da ONU Mulheres e Women's Economic Empowerment Global Summit.

 

Conteúdo relacionado

Podcast de inovação retorna com novos episódios

O podcast produzido pela GNova, em parceria com a Rede Inovagov, foi criado em 2019 e conta com novos episódios gravados durante a 9ª Semana de Inovação

Publicado em:
26/02/2024
Lançada a terceira rodada do programa Soluções de IA para o Poder Público

Na ocasião, foram apresentados também os vencedores da rodada anterior

Publicado em:
25/02/2024
4º Jornada de Inovação Cidades que Transformam avança em mais uma etapa

As cinco equipes municipais integrantes desta edição participarão de oficinas e apresentarão uma ideia de solução a ser desenhada e testada na próxima fase da jornada 

Publicado em:
29/01/2024
Ano de 2023 marca a história da Enap

Em um ano de reconstrução, a Escola teve recorde de inscrições nos cursos à distância, capacitações inéditas para pessoas negras, auditório novo e muito mais! Confira!  

Publicado em:
15/01/2024