Podem participar profissionais brasileiros e estrangeiros com título de doutor

A Escola Nacional de Administração Pública (Enap) acaba de criar o programa de estágio de pós-doutorado, com duração de três a 12 meses. Podem participar profissionais com título de doutor, do Brasil ou do exterior, independentemente de serem servidores públicos ou não. Os interessados precisam desenvolver um plano de atividades em ensino e pesquisa com  a supervisão de um docente vinculado a um dos programas de pós-graduação da Enap (PPGEnap). As propostas devem ser encaminhadas para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. e serão avaliadas pela equipe da Diretoria de Altos Estudos (DAE) da Escola. 

A participação é voluntária, não remunerada e obedece a lógica de fluxo contínuo - o encaminhamento de propostas pode acontecer em qualquer época do ano. Servidores em licença capacitação poderão participar do programa, nos termos da legislação em vigor.  Serão aceitas propostas de pesquisa nas áreas de governança; economia e regulação; políticas públicas; monitoramento e avaliação.

“Queremos nos tornar um polo de atração de pesquisadores em gestão e políticas públicas, que reforce a agenda de pesquisa da Escola. Temos riqueza de dados, mas precisamos torná-los úteis para a sociedade. A criação do programa de pós-doutorado é um importante passo nessa direção, por meio do intercâmbio acadêmico, tanto entre profissionais brasileiros quanto entre os estrangeiros”, ressalta Diogo Costa, presidente da Enap.

Para conclusão do estágio e obtenção do certificado de participação, o pós-doutorando deverá  apresentar um seminário sobre os resultados da pesquisa realizada e um relatório final de atividades.

Documentação para candidatura

Os interessados em realizar estágio de pós-doutorado na Enap devem formalizar o pedido pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., indicando o programa, a linha de pesquisa e o nome do supervisor com quem pretende realizar suas atividades. O processo é composto pela seguinte documentação:

  • Formulário de inscrição
  • Carta de aceitação do supervisor pretendido;
  • Cópia do diploma de doutorado expedido por instituição nacional ou estrangeira;
  • Currículo lattes atualizado até o momento da candidatura (apenas para candidatos brasileiros)
  • Plano de trabalho contendo: a) projeto de pesquisa resumido, incluindo cronograma de execução das atividades (máximo 15 páginas); b) atividades de ensino, se houver; e c) plano de publicações, com cronograma e resumo dos trabalhos.

Resolução nº 21/2022

Conteúdo relacionado

Pós-graduação stricto sensu oferece oportunidade para doutores darem aulas

Candidatos podem se cadastrar por meio da internet e devem optar por uma entre seis linhas de pesquisa

Publicado em:
31/10/2022
Servidores estrangeiros podem concorrer a vagas para mestrado ou doutorado

Candidatos devem ter proficiência em português e em inglês, além de disponibilidade financeira para custear estadia em Brasília durante o curso

Publicado em:
13/10/2022
MBA em Gestão Pública recebe inscrições até 13 de outubro

São 300 vagas para servidores públicos federais, estaduais e municipais. 

Publicado em:
27/09/2022
Abertas inscrições para processo seletivo dos mestrados e doutorado Enap 2022

Podem participar servidores públicos federais, estaduais e municipais

Publicado em:
14/08/2022