Um ano em seis meses: foram 1 milhão de inscrições de janeiro a junho, volume superior a todo o ano de 2019

O mundo da educação e do trabalho mudaram para sempre, e de forma profunda, com a pandemia. E a educação a distância, acelerada pela pandemia, veio para ficar. É o que aponta um estudo mundial feito pela Pearson com mais de 7 mil pessoas em 7 países, incluindo o Brasil. E os números da Escola Virtual de Governo (EV.G), da Escola Nacional de Administração Pública (Enap) corroboram essa tendência. 

Em apenas seis meses, a Escola Virtual registrou um recorde de alunos, superando o total de inscrições registradas durante todo o ano passado. De janeiro a junho, foram mais de  1 milhão de inscrições (ante 940.545 em 2019 como um todo). 

Para Carlos Eduardo dos Santos, coordenador-geral de Produção de Web da Enap, o recorde de inscrições demonstra que é possível fazer educação a distância, com qualidade, no setor público. “Qualquer servidor pode acessar, num único local, os melhores conteúdos produzidos pela Enap e seus parceiros”, explica. 

Embora tenha sido lançada em fevereiro de 2018 com foco na capacitação do serviço público federal, a EV.G é aberta a qualquer pessoa, com educação a qualquer hora e direito a certificado de conclusão ao aluno que obtiver o mínimo de 60% de aproveitamento nas atividades. Hoje, a plataforma possui 56 parcerias com instituições nacionais e internacionais, como escolas de governo e órgãos públicos e privados, que hospedam seus cursos na Escola Virtual. 

Efeito pandemia

Com uma oferta total de 184 cursos com inscrições abertas, divididos em 16 áreas temáticas, a plataforma online e gratuita de aprendizado reúne, em um único ambiente, cursos de diferentes instituições públicas e privadas.  Destaque para o recém-lançado curso de Design Thinking para Inovação em Governo, produzido pela Enap.

Atualmente, a Escola Virtual soma mais de 2,5 milhões de inscrições em cursos e 1,6 milhão de alunos. Do total de alunos, mais de 506 mil foram registrados apenas de 1º de janeiro a 30 de junho de 2020, segundo dados no Enap em Números, superando o volume total de 2019 (460 mil)

Para Carlos Eduardo, a pandemia consolidou uma trajetória de crescimento que a plataforma registra desde 2018. “Para atingir seu primeiro 1 milhão de inscrições, foram necessários mais de 18 meses. Em 2020, batemos esse volume em apenas seis meses”, comemora. Antes mesmo do cenário de pandemia e aposta na educação a distância, a Escola Virtual de Governo nasceu com a missão de superar a fragmentação dos serviços de hospedagem e gestão acadêmica e garantir a continuidade dos serviços de capacitação a distância do serviço público.

Na plataforma também estão disponíveis 9 (nove) programas de capacitação. Destaque para o novo programa sobre os fundamentos da transformação digital para agentes públicos, que tem o objetivo de formar profissionais que sejam capazes de lidar com os desafios da era digital em diferentes segmentos do Poder Executivo Federal. São sete cursos, totalizando 153 horas de capacitação.

Esse programa integra a estratégia de tornar o governo digital cada vez mais e que prevê, dentre outras ações, a transformação digital de 100% dos serviços públicos no Brasil até 2022, a integração de sistemas e serviços e a consolidação dos canais digitais. 

Os programas são uma oportunidade para continuar o processo de capacitação. Ao concluir com êxito o conjunto dos cursos que compõem cada um dos programas, o aluno receberá o certificado tanto dos cursos individuais quanto do programa como um todo. 

CRESCIMENTO INSCRITOS INCRICOES

Fonte: Enap em Números

 

O Sudeste, com 37%, é a região com o maior número de participações, seguido pelo Nordeste (24%), Centro-Oeste (17%, Sul  (12% e Norte  (9%. A temática mais procurada foi Ética e Cidadania, com 190.998 inscrições (16% do total). 

Nos primeiros seis meses do ano, 38% das inscrições foram de servidores públicos. No ranking por órgão, as organizações sociais entraram no Top 5. Por ordem decrescente de número de alunos estão Polícia Militar, Exército, Ministério da Economia, organizações sociais e INSS. 

O público foi majoritariamente feminino (59%) no período. O perfil do público, no entanto, mudou do ano passado para cá. Em 2019, a maior parcela de alunos estava na faixa entre 35 e 39 anos, tanto para homens quanto para mulheres. Em 2020, a faixa entre 20 e 24 anos de mulheres passou a responder pelo maior número dos alunos. 

MAPA INCRICOES

Fonte:  Enap em Números

Instituições têm até 30 de setembro para fazer parte da EV.G

A Enap está mapeando instituições interessadas em ofertar cursos na Escola Virtual de Governo (EV.G). O objetivo é aumentar o catálogo de cursos disponíveis para desenvolver competências e agregar novos conhecimentos para a transformação do serviço público e também para a sociedade. As instituições interessadas deverão preencher formulário até 30/09/2020.  Conheça os requisitos necessários

Em comum, as parceiras têm o objetivo de fortalecer o modelo de governança digital e fomentar o desenvolvimento da administração pública e sociedade, conectando pessoas, interesses e necessidades, em prol de um modelo mais acessível e eficaz.

Segundo a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), a EV.G é uma das importantes inovações públicas brasileiras, pelo compromisso assumido para os próximos anos em fortalecer o modelo de governança digital.

Top 10 cursos da EV.G em 2020

  1. Sistema Eletrônico de Informações - SEI! USAR
  2. Introdução à Libras
  3. Gestão Pessoal - Base da Liderança
  4. Fiscalização de Projetos e Obras de Engenharia
  5. Vírus respiratórios emergentes, incluindo COVID-19: métodos para detecção, prevenção, resposta e controle
  6. Gestão de Finanças Pessoais
  7. Formação de facilitadores de aprendizagem
  8. Boas Práticas de Manipulação em Serviços de Alimentação
  9. Ética e Serviço Público
  10. Introdução à Lei Brasileira de Proteção de Dados Pessoais

Últimos cursos lançados

  1. Linguagem simples aproxima o governo das pessoas. Como usar?
  2. Proteção a Direitos Humanos: Prevenção e Proibição da Tortura
  3. Ágil no Contexto do Serviço Público​
  4. Execução Financeira e Prestação de Contas Referentes aos Projetos Audiovisuais
  5. MROSC: Seleção e Celebração
  6. Programa de Leniência Antitruste do CADE
  7. Design Thinking para Inovação em Governo
  8. Direito e Novas Tecnologias
  9. Lei de Liberdade Econômica e o Licenciamento 4.0
  10. Primeiros passos para uso de Linguagem Simples
Palavras-chave:

Conteúdo relacionado

Já pensou em fazer parte da Escola Virtual de Governo?

Enap abre chamada pública para instituições interessadas em ofertar cursos online em plataforma digital 

Publicado em:
30/07/2020