Curso recebe inscrições de servidores públicos federais com FCPE ou DAS de níveis 4, 5 ou 6 ou NES

Excesso de estímulos visuais, alta velocidade na troca e processamento de informações e a necessidade de resposta instantânea estão reduzindo a capacidade de escuta das pessoas, inclusive no ambiente de trabalho. Com tanto barulho e disputa por atenção é possível ouvir o outro antes de responder e, assim, evitar ruídos na conversa? Responder a essa questão é o desafio do franco-brasileiro Thomas Brieu, especialista em comunicação pelo prisma da escuta, no curso Escutatória e comunicação assertiva.  As  inscrições estão abertas até 6 de setembro para as 40 vagas disponíveis.  

O conteúdo foi distribuído em 16 horas de aulas no formato remoto. Podem participar servidores públicos ocupantes de FCPE ou DAS de níveis 4, 5 ou 6, ou NES, do executivo federal, ou cargos equivalentes nos outros poderes e esferas de governo. 

No curso, líderes do setor público poderão desenvolver competências de comunicação e relacionamento para melhorar a conexão com os times, proporcionar mudanças comportamentais nas instituições e estimular conversas de feedback. 

A escutatória é uma escuta ativa que permite o desenvolvimento de uma forma de comunicação atenta ao outro que gera cooperação e pode reduzir conflitos. Nas aulas, Thomas vai mostrar o método desenvolvido por ele que mapeia os padrões de linguagens cooperativos que provocam aproximação e as formas não produtivas (que provocam resistências), no intuito de propor alternativas eficientes de comunicação.. 

“Estamos tão hiper estimulados, que onde tem riqueza de informação tem pobreza de atenção. Precisamos reaprender a escutar de verdade. Não basta escutar, preciso fazer com que o outro se sinta escutado; dar prova de escuta” ressaltou o Brieu em entrevista ao podcast Zenklub. 

Quem participar poderá aprender a identificar os sinais verdes e vermelhos da comunicação; preparar, introduzir e conduzir uma conversa com foco; como dar provas de escuta e empatia para que o seu interlocutor se sinta escutado; evitar os ruídos na comunicação e quais são as limitações em termos de escuta de acordo com a neurociência.

Saiba mais e inscreva-se! 

Conteúdo relacionado

Pesquisa revela desafios para adaptação ao trabalho híbrido 

Apresentado no último FronTend, levantamento mostra como a tecnologia e a pandemia mudaram a percepção sobre o mundo do trabalho.

Publicado em:
20/11/2022
Enap lança rede de fomento à mentoria no setor público

Iniciativa já conta com multiplicadores em 11 órgãos. Estratégia é consolidar a cultura de mentoria.

Publicado em:
17/11/2022
Frontend discute futuro do trabalho

Evento acontece dia 17 de novembro, às 19h30, com transmissão ao vivo pelo canal da Enap no Youtube

Publicado em:
10/11/2022
Enap e BID firmam parceria para capacitação de servidores

Instituições farão intercâmbio entre plataformas de ensino e ações de fortalecimento de programas de inovação 

Publicado em:
05/10/2022