Notícias

« Voltar

Autismo e neurodiversidade são temas de roda de conversa realizada na Enap

Autismo e neurodiversidade são temas de roda de conversa realizada na Enap

Por: Ascom

Publicação: 13/09/2017 | 16:52

Última modificação: 13/09/2017 | 17:13

A Escola Nacional de Administração Pública (Enap) realizou, nesta quarta-feira (13), a Roda de conversa: Precisamos falar sobre autismo e neurodiversidade. A atividade, que faz parte da programação da Semana da Inclusão de Pessoas com Deficiência, foi conduzida pela estagiária da Coordenação de Pesquisa da Enap, Maria das Dores Nascimento Morais, e contou com a participação de servidores de diferentes órgãos e entidades da Administração Pública.

Com o objetivo de provocar o debate, a conversa foi iniciada com a exibição do primeiro episódio da série norte-americana Atypical. A série — que é uma comédia dramática original do serviço de streaming Netflix, criada e escrita por Robia Rashid — conta a trama de um garoto de 18 anos portador de autismo.

Durante o encontro, foram discutidas as experiências pessoais dos participantes com autismo e seu impacto, neles próprios ou em membros da família e conhecidos, e as opiniões sobre a forma como o autismo foi retratado na série. Além disso, foram discutidos assuntos como inclusão, estereótipos, neurodiversidade, acolhimento, falta de informação, superproteção, exclusão, capacitismo e psicofobia, entre outros.

Maria das Dores Nascimento Morais destacou que o Comitê de Inclusão da Enap “está tentando trazer para essas rodas de conversa conhecimento sobre assuntos sobre os quais as pessoas normalmente não têm informação”. “Queremos fazer as pessoas refletirem e terem a temática da inclusão em suas mentes”, explicou.

Já a servidora do Gabinete da Presidência da Escola, Anna Paula Feminella, esclareceu que a Enap tem apenas começado a incluir assuntos como esse em sua pauta. “Estamos fazendo um esforço inicial para incluir essas temáticas em nossas conversas e em nossa instituição. Com isso, espero que estejamos contribuindo para que um dia alcancemos uma comunidade muito mais inclusiva”, disse.

Sobre a Semana de Inclusão - As atividades têm como objetivo ampliar a visibilidade sobre a agenda da promoção de direitos das pessoas com deficiência e debater desafios para a gestão das políticas públicas, dentre os quais se inserem a gestão inclusiva da máquina pública e o reconhecimento das especificidades das pessoas com deficiência, no sentido de promover a equiparação de direitos e oportunidades de participação social.    

programação da Semana de Inclusão reúne diversas atividades voltadas para experiências que buscam a construção de empatia em relação às pessoas com deficiência por aquelas que ainda não têm proximidade com a temática. Os debates envolvem aspectos relacionados à gestão de recursos de acessibilidade para a superação das barreiras arquitetônicas, urbanísticas, comunicacionais, tecnológicas, entre outras, para o alcance da efetividade das políticas públicas para esse segmento populacional.

A atividade é organizada pelo Comitê-Gestor do Programa de Inclusão de Pessoas com Deficiência da Enap, instituído em 25 de julho de 2017, e conta com a parceria de diversas instituições e de ativistas que atuam na defesa de direitos das pessoas com deficiência.